Vídeolog: Consumerização e VDI

Sem regularidade nenhuma, mas chegou o próximo capítulo do meu vídeolog!

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=nmTSQrd1udk]

Aguardo os comentários!

    Comments

    1. Avatar for Rafael Bernardes Carlos Weber de Assis : 30 de agosto de 2011 at 12:25 am

      Bernardes,
      Excelente video!
      Vocês da CooperaTi tem contribuído de varias maneiras, com videos e artigos com conteudos atualizados e funcionais.
      Parabéns CooperaTI…

    2. Gostei muito da ideia do VDI, mesmo não gostando de Windows e não irendo usar esta ideia no Windows 7, muito menos, porem este video me fez perceber mais uma possibilidade de melhorias estruturais para a empresa onde trabalho (estamos migrando tudo possível para Linux e estamos tendo sucessos na maior parte das áreas).
      Porem me tire uma duvida sobre o video, você falou que não está utilizando TS, então para conectar as maquinas virtuais, você utiliza o que?

      • Você captou a idéia do blog. Não importa se você é Linux ou Microsoft, aqui falamos de tecnologias e tendências!
        E sobre a questão, não sei se consegui me fazer entender. O tráfego é sob o protocolo RDP, mas a tecnologia usada no Windows 2008 é RDS e não mais TS.
        Não é somente o nome que muda. E no caso do VDI, temos elementos do RDS e de virtualização juntos, para entregar a sessão ao usuário.

        • Compreendi a ideia sim, porem estou com uma duvida, as VMs ficam desligadas e são ligadas na hora do login, ou sempre ficam ligadas? Pois se for a 2ª opção, seria um desperdicio gigantesco de processamento e memória utilizada, levando-se em conta as ferramentas de virtualização que conheço (VMWare server e VirtualBox), onde as VMs ao serem ligadas já tem sua memória “chupadas” da memória principal.

        • Calma rapaz. Está com muita pressa em querer desmerecer a solução.
          As máquinas ficam em stand-by, uma mistura de save state com o core parking dos processadores. A Citrix, Microsoft e VMware tem excelentes soluções para VDI, todas com recursos surpreendentes.
          A economia de hardware é muito interessante, pois todas as VMs tem processador, memória e agora até discos dinamicamente alocados. Todos os recursos são dispostos a medida das necessidades, respeitando um limite definido.
          Ainda não conheço uma solução de VDI nativa Linux, mas pode usar o Hyper-V Server (o sistema operacional) que é gratuito e tem suporte e drivers para o Suse, Red Hat, CentOs e outros. Vai ter que realizar algumas configurações manuais, mas vai funcionar bem.

        • Bernardes, não desmereço a solução não, muito pelo contrário, gostei muito da mesma, porem não sou fã de soluções usando o Windows, principalmente por saber caso queira implantar por aqui onde moro, terei que fazer com windows pirata, o que está indo contra o que estou pregando atualmente.
          Com sua explicação, compreendi melhor como funciona o VDI, então quando as maquinas entram em stand-by, é salva em disco e tem seu espaço na memoria desalocado, voltando quando o cliente fizer o login novante.
          Sobre o Hyper V server, deixe-me ver se compreendi, ele funciona assim como a versão paga do WMWare server, um sistema operacional que tem como funcionalidade, apenas gerenciar os Guest’s. No local onde eu li, tinha falando sobre o windows update, caso esteja usando ele na versão free, terei as atualizações disponíveis também?
          Obrigado pelos esclarecimentos até o momento. =)

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    © 2019 All Rights Reserved. Cooperati. 

    Deseja uma consultoria especializada?