Tunning do System Center Virtual Machine Manager para trabalhar com VDI

Seguem algumas dicas que peguei do technet americano para usar uma estrutura de VDI (Virtual Desktop Infrastructure) no SCVMM.

Tempos de refresh

O SCVMM tem vários tempos diferentes para dar refresh em suas conexões, verificando storage, servidores, etc. Em ambiente controlados de VDI essas taxas podem ser reduzidas para se ganhar performance: (alterar o registro do Windows)

VMUpdateInterval – Padrão: 30 minutos – Mínimo: 0 – Máximo: 24h – Recomendado para VDI: 120 minutos

HostUpdateInterval – Padrão: 30 minutos – Mínimo: 0 – Máximo: 24h – Recomendado para VDI: 120 minutos

VMPropertiesUpdateInterval – Padrão: 2 minutos – Mínimo: 0 – Máximo: 24h – Recomendado para VDI: 30 minutos

VHDMountTimeoutSeconds – Padrão: 10 minutos – Mínimo: 10 – Máximo: 1h – Recomendado para VDI: 1 hora

Para alterar:

  • Criar a chaves em – HKLMSOFTWAREMicrosoftMicrosoft System Center Virtual Machine Manager ServerSettings
  • Todos os valores especificados em segundos
  • Todos como REG_DWORD
  • Reiniciar o serviço do SCVMM após as alterações

Limpar os JOBS antigos

O SCVMM armazena todos os JOBS executados, porém em um ambiente de VDI podem ocorrer muitos JOBS repetidos e agravar em uma sobrecarga em horários de picos. Reduzindo o tempo ele vai armazenar muito menos informação.
TaskGC – Padrão: 90 dias – Recomendado para VDI: 7 dias
Registro – HKEY_LOCAL_MACHINESOFTWAREMicrosoftMicrosoft System Center Virtual Machine Manager ServerSettingsSqlTaskGC

WCF Timeout

WCF é o canal de comunicação que o SCVMM usa entre o powershell e os servidores. Com uma estrutura de VDI, pode ocorrer sobrecarga e o timeout precisa ser aumentado para dar conta das reqiusições.
IndigoSendTimeout – Padrão: 120 segundos – Recomendado para VDI: 300 segundos

VHD mount timeout

É bastante comum usar uma estrutura de VDI com discos diferenciais partindo de uma única imagem. E o SCVMM precisa montar o disco para realizar as verificações do estado do VHD. Podem ocorrer falhas quando houverem várias máquinas virtuais sendo criadas em um período de tempo. O ideal é aumentar o tempo de retry.
VHDMountTimeoutSeconds – Padrão: 10 minutos – Recomendado para VDI: 30 minutos

GC otimizado

O GC (garbage colector) pode ser otimizado para o uso de VDI também. No servidor do SCMM, crie um arquivo chamado vmmservice.exe.config e coloque ele em %SYSTEMDRIVE%Program FilesMicrosoft System Center Virtual Machine Manager 2008 R2Bin. Dentro do arquivo coloque o seguinte:
<configuration>

<runtime>

<gcServer enabled=”true”/>

</runtime>

</configuration>

Bom, tem outras dicas e um vídeo de como começar a usar o VDI aqui no blog. Para quem ainda não se ligou, VDI é o nome que se usa quando, ao invés de disponibilizarmos máquinas para os usuários, usamos máquinas virtuais. Os clientes se conectam ao servidor e puxam uma sessão de TS otimizada de sua própria máquina virtual. E o mais legal é que pode-se ter máquinas virtuais privadas (uma para cada usuário) ou POOL (máquinas padrão) para setores específicos.
A estrutura de VDI com certeza é o futuro próximo dos desktops das empresas. É basicamente o desktop indo para a nuvem.