Criando um cluster Proxmox VE

Ola pessoal, prosseguindo com a série de post sobre o proxmox irei demonstrar a criação de um cluster.

Precisaremos de mais uma máquina com Proxmox VE instalado, o cenário será o seguinte:

Master:

IP: 10.1.1.200/24
Hostname: proxymox.cooperati.intra

Slave:

IP: 10.1.1.201/24
Hostname: slave.cooperati.intra

Tenha o cuidado de nomear cada servidor com um nome exclusivo. Até a presente versão do Proxmox VE (1.9) a criação do cluster deverá ser realizada no terminal ou via ssh em cada servidor.

Todas as configurações serão feitas via ferramenta “pveca” (PVE Cluster Administation Toolkit).

Vamos as principais opções do pveca:

pveca [opções]
-l - Estado atual do cluster;
-c - Cria um novo cluster com o localhost como master;
-s [-h IP] - Sincroniza a configuração do cluster do master;
-d ID - Apaga um nó;
-a [-h IP] - Adiciona um novo nó ao cluster;
-m - Força o nó local a se tornar master.

Obs.: Atualmente a configuração do cluster só permite um master, mas a versão 2 promete uma configuração de multi master.
Acesse o primeiro servidor e vamos torná-lo master:

# pveca -c
cluster master successfully created

Vamos verificar o estado atual de nosso cluster:

# pveca -l

Após a criação do master, vamos adicionar um nó.

Acesse o segundo servidor Proxmox VE

Associar um nó ao master:

# pveca -a -h 10.1.1.200
cluster node successfully created

Verificar o estado atual de nosso cluster:

# pveca -l

Vamos conectar na interface de administração web do Proxmox VE e verificar como ficou o nosso cluster:

Cobri nesse post apenas a configuração de um cluster Promox VE, e para o próximo vamos criar nossa primeira máquina virtual.

Espero que tenham gostado do post e gostaria pedir mais uma vez para que continuem a votar em nosso portal no TOPBLOG, e assinem também o nosso RSS.