Conheça o Ambiente de Virtualização Proxmox VE

O Proxmox é uma solução de virtualização (Completa/Para virtualização) de Código Aberto para rodar suas appliances e Máquinas Virtuais, e fácil de administrar pois possui uma interface WEB limpa. Em sua versão atual, 1.9, está rodando em cima da distribuição GNU/Linux Debian 5.0 (Lenny), mas a versão 2.0 beta deverá rodar em cima da Versão 6.0 (Squeeze), irei cobrir as alterações dessa nova versão assim que for lançada.

As principais caraterísticas são: É livre, Roda em Distribuição Debian (Lenny), KVM/OpenVZ, Backup/Restauração via interface Web, Cluster, Live Migration da VM, Bonding de Interfaces de rede, etc.

Quero agradecer aos meus ex-alunos Raphael Suárez (raphabss@gmail.com) e Frederico Aranha por me apresentarem o Proxmox VE.

Requirimentos:

  • Socket Duplo, Quad Core CPU
  • CPU: 64bit (Intel EMT64 or AMD64)
  • Intel VT/AMD-V (para suporte a virtualização KVM)
  • 8 GB RAM é bom, mas quanto mais é melhor
  • RAID por Hardware
  • Disco Rígidos Rápidos, para melhores resultados, utilizar discos com 15K RPM SAS, Raid10 são bem vindos.
  • 2 Gbit NIC (para bonding), Interfaces de redes adicionais só dependem do tipo de storage utilizado
Minimo (apenas teste)
  • CPU: 64bit (Intel EMT64 ou AMD64)
  • Intel VT/AMD-V (para suporte a virtualização KVM)
  • Minimo 1 GB RAM
  • Hard drive
  • Uma interface de Rede
Tecnologia de Storage Suportas (NAS/SAN)

As seguintes tecnologias de storage são suportadas, qualquer dúvida sobre qual tecnologia utilizar entre em contato com a equipe do proxmox.

  • Local storage (mandatory)
  • iSCSI
  • FC
  • NFS
  • DRBD
  • AoE
  • CIFS
  • … E todas as outras soluções baseadas em Debian.

Primeiramente vamos verificar se há o suporte de Virtualização em seu processador:

# grep -E ‘(vmx|svm)’ –color=auto /proc/cpuinfo 

flags : fpu vme de pse tsc msr pae mce cx8 apic sep mtrr pge mca cmov pat pse36 clflush mmx fxsr sse sse2 ht syscall nx mmxext fxsr_opt pdpe1gb rdtscp lm 3dnowext 3dnow constant_tsc rep_good nopl nonstop_tsc extd_apicid pni monitor cx16 popcnt lahf_lm cmp_legacy svm extapic cr8_legacy abm sse4a misalignsse 3dnowprefetch osvw ibs skinit wdt npt lbrv svm_lock nrip_save

Se nada em destaque aparecer, significa que seu processador não oferece suporte a virtualização e você não poderá prosseguir com esse post.

Vamos baixar o ISO do Proxmox, até o fechamento desse post a versão estável era a 1.9, com suporte a KVM 0.15 clique aqui para baixar.

Agora com todos os requisitos instalados, vamos a instalação:

Ponha o CD na unidade e configure a máquina para iniciar pelo CDROM

Tela Inicial do Instalador

Leia e aceite os termos da Licença

Inicio da Instalação

Selecione o País, Time zone e Layout do Teclado

Cadastre uma senha e informe um e-mail válido

Configurações de rede e hostname completo

Depois de instalado teremos a seguinte tela do proxmox

A etapa de instalação do proxmox esta concluída e a próxima etapa será realizada na interface WEB

Segue abaixo a tela de login do proxmox, o usuário é root e a senha é a fornecida na instalação

Feito o login a interface de administração está a nossa disposição, como no exemplo abaixo

Caso queiram saber um pouco mais sobre KVM, temos um post de como instalar e configura-lo, veja no link Virtualização com KVM

Como podem ver a interface é bem simples e fácil, no próximo post iremos configurar uma máquina virtual e também a montar um cluster com o proxmox.

Espero que tenham gostado do post, e não deixem de assinar no portal.