Server Core – Configurações básicas

Neste artigo veremos como fazer as configurações básicas no Windows Server 2008 Server Core.

A configuração inicial do Server Core se resume em cinco fases:

 

  • Configurar uma senha para a conta Administrator.
  • Configurar o TCP/IP no servidor (IP, subnet mask, default gateway, DNS).
  • Ingressar o servidor no domínio, caso necessário.
  • Ativar a instalação do Windows Server 2008.
  • Configurar o Firewall do Windows.

 

Vejamos abaixo algumas configurações básicas.

 

 

Configurar uma senha para a conta Administrator

 

 

No prompt de comando, digite os comandos abaixo:

 

  • Net user administrator * e tecle enter.
  • Digite e confirme a senha.

 

 

 

 

 

Configurar o endereço IP no servidor

 

 

No prompt de comando, digite os comandos abaixo:

 

  • Netsh interface ipv4 show interfaces (Anote o número de índice do adaptador que deseja configurar).
  • Netsh interface ipv4 set address 1 source=static address=192.168.1.20 mask=255.255.255.0 gateway=192.168.1.1
  • Netsh interface ipv4 add dnsserver 1 192.168.1.1
  • No prompt de comando, digite ipconfig e tecle enter. Verifique que as configurações foram feitas com sucesso.

 

Com os comandos acima fizemos as seguintes configurações na interface com índice 1:

 

  • IP = 192.168.1.20
  • Mask = 255.255.255.0
  • Gateway = 192.168.1.1
  • DNS = 192.168.1.1

 

 

 

Renomear o servidor

 

No prompt de comando, digite os comandos abaixo:

 

 

  • Hostname (anote o nome do servidor).
  • Nettdom renamecomputer Server01 /NewName:ServerCore01
  • Digite Y e tecle enter. Reinicie o servidor.

 

Com os comandos acima renomeamos o servidor Server01 para ServerCore01.

 

 

 

 

 

Fazer as configurações regionais e de linguagem

 

No prompt de comando, digite o comando abaixo:

 

  • Control intl.cpl
  • Na tela que será aberta, faça as configurações desejadas e clique em OK.

 

 

 

Fazer as configurações de data e hora

 

No prompt de comando, digite o comando abaixo:

 

  • Control timedade.cpl
  • Na tela que será aberta, faça as configurações desejadas e clique em OK.

 

 

Consulta ao log de eventos

 

No prompt de comando, digite os comandos abaixo:

  • Wevtutil el.

 

 

Esse comando exibe todos os logs de eventos disponíveis no Server Core.

 

  • Wevtutil qe Application.

 

 

Esse comando exibe o conteúdo do log de Aplicação, porém no formato xml. Para melhorar a visualização, podemos salvar o conteúdo do log em um arquivo txt e abri-lo no Notepad. Para isso, utilize o comando abaixo.

 

  • Wevtutil qe Application /f:text > Application.txt
  • Notepad Application.txt.

 

 

Vejam que o Notepad é aberto com o arquivo no qual o log de Aplicação foi salvo.

 

 

Configurar o firewall do Windows

 

 

No prompt de comando, digite os comandos abaixo:

 

  • Netsh
  • Firewall ou Advfirewall

 

Com os comandos acima podemos administrar o firewall do Windows. Digite o comando help para que as opções de configuração seja exibidas.

 

 

 

 

Desabilitar o firewall do Windows

 

 

No prompt de comando, digite os comandos abaixo:

 

  • netsh firewall set opmode disable

 

 

 

Ativar a instalação do Windows Server 2008 Server Core

 

 

No prompt de comando, digite o comando abaixo:

 

  • Slmgr.vbs -ato

 

 

Caso nenhuma mensagem seja exibida, o Windows Server 2008 foi ativado com sucesso.

 

 

 

Task Manager

 

 

No prompt de comando, digite o comando abaixo:

 

  • taskmgr

 

 

 

Desligar o servidor

 

 

No prompt de comando, digite o comando abaixo:

 

  • shutdown /s –t 0

 

 

 

Reiniciar o servidor

 

 

No prompt de comando, digite o comando abaixo:

 

  • shutdown /r –t 0

 

 

 

Fazer logoff no servidor

 

 

No prompt de comando, digite o comando abaixo:

 

  • shutdown /l

 

 

 

Ingressar o Server Core em um domínio

 

 

No prompt de comando, digite o comando abaixo:

 

  • nettdom join <ComputerName> /domain:<DomainName> /userd:<UserName> /passwordd:*

 

 

Após executar o comando acima será necessário reiniciar o servidor. Após reiniciar o servidor digite o comando set e verifique se o computador foi ingressado no domínio com sucesso.

 

 

 

 

Abrir e configurar o registro do Windows

 

 

No prompt de comando, digite o comando abaixo:

 

  • Regedit

 

 

 

Adicionando Roles ao Server Core

 

 

Vejamos abaixo alguns comandos utilizados para adicionarmos roles ao Server Core.

 

 

 

Adicionar a role DNS Server

  • start /w ocsetup DNS-Server-Core-Role

 

 

Remover a role DNS Server

  • start /w ocsetup DNS-Server-Core-Role /uninstall

 

 

Adicionar a role DHCP Server

  • start /w ocsetup DHCPServerCore

 

 

 

Remover a role DHCP Server

  • start /w ocsetup DHCPServerCore /uninstall

 

 

Adicionar a role Print Services

  • start /w ocsetup Printing-ServerCore-Role

 

 

Adicionar a role Line Printer Daemon

  • start /w ocsetup Printing-LPDPrintService

 

 

 

Adicionando Features no Server Core

 

 

Vejamos abaixo alguns comandos utilizados para adicionarmos features ao Server Core.

 

  • start /w ocsetup <feature>

 

 

Seguem abaixo a relação de features, suportadas atualmente:

 

Failover Clustering: FailoverCluster-Core

 

  • Nettwork Load Balancing: NetworkLoadBalancingHeadlessServer
  • Subsystem for UNIX-based applications: SUACore
  • Multipath IO: MultipathIo
  • Removable Storage: Microsoft-Windows-RemovableStorageManagementCore
  • Bitlocker Drive Encryption: BitLocker
  • Remote Administration Tool for BitLocker: BitLocker-RemoteAdminTool
  • Backup: WindowsServerBackup
  • Simple Network Management Protocol (SNMP): SNMP-SC
  • Windows Internet Name Service (WINS): WINS-SC
  • Telnet client: TelnetClient

 

Para remover as features basta acrescentar a opção /uninstall no final do comando.

 

 

Conclusão

 

É isso pessoal, espero que este artigo seja útil para todos. Em caso de dúvidas sobre o conteúdo deste artigo, ou para enviar sugestões sobre novos tutoriais que você gostaria de ver publicado neste site, entre com contato através de e-mail [email protected]

 

 


 

 

Autor: Fabiano Santana – MVP, MCP, MCDST, MCSA Security, MCSE Security

 

Postado por Tecnologia Descomplicada às 06:30 0 comentários